Blog do Prof. Robson Soares Silva – Notícias e Dicas de TI

Tecnologias de Informação com ênfase em Java, Android, Banco de Dados Oracle/PgSQL/MySQL, Linux entre outras – UFMS Câmpus de Ponta Porã

Pesquisa

Título • Sistema de Computação Móvel com Visão Computacional para detecção de pragas de soja e frutas cítricas
Instituição • UFMS – Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Coordenador • Robson Soares Silva
Descrição • A meta da visão computacional é tomar decisões sobre objetos físicos reais a partir de cenas baseadas em imagens captadas. Neste projeto de pesquisa será criado um banco de imagens com a foto de pragas de soja e frutas cítricas, e será desenvolvida uma aplicação para dispositivos móveis que permite tirar uma foto de folhas de soja ou frutas cítricas, e o aplicativo mostrará caso exista o tipo de praga encontrada, e a ação ideal para combatê-la. Para desenvolver esta tarefa será usada a programação Java para Android com recursos de visão computacional, que permite que a partir da imagem captada consigamos gerar uma fórmula matemática correspondente à imagem encontrada e assim podemos comparar o banco de imagens e ver o tipo de praga encontrada. O usuário pode tirar uma foto por exemplo de uma folha de soja e será indicada se ela está saudável ou não. A visão computacional é composta das seguintes fases: aquisição de imagens, restauração e realce, segmentação, extração de atributos ou características, classificação e reconhecimento e decisão. Os algoritmos de análise de imagens tomam imagens como entradas, mas produzem outros tipos de saída. A análise de imagens (AI) consiste em encontrar parâmetros descritivos (em geral numéricos) que representam de modo sucinto informações importantes da imagem. A AI se dedica a desenvolver teorias e métodos voltados à extração de informações úteis contidas em imagens.

Título • Análise de Texturas Estáticas e Dinâmicas e suas Aplicações em Agricultura
Instituição • UFMS – Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Coordenador • Wesley Nunes Gonçalves
Descrição • Análise de texturas tem atraído um crescente interesse em visão computacional devido a sua importância na caracterização de imagens. As pesquisas em texturas podem ser divididas em duas classes: texturas estáticas e texturas dinâmicas. As texturas estáticas são caracterizadas por variações de intensidades que formam um determinado padrão que se repete espacialmente na imagem. As texturas dinâmicas são padrões de texturas presentes em uma sequência de imagens, tais como imagens de ondas do mar em movimento e imagens de reações químicas com diferentes substâncias reagentes, etc. Embora muitas pesquisas tenham sido realizadas em texturas, essa área ainda se encontra aberta a estudos, principalmente em texturas dinâmicas por se tratar de um assunto recente e pouco explorado. Este projeto tem como objetivo o desenvolvimento de pesquisas que abrangem as texturas estáticas e dinâmicas nos âmbitos teórico e prático. Para isso, duas linhas de pesquisa (redes complexas e teoria fractal) serão investigadas em texturas estáticas e com base nelas, novos métodos serão propostos. Os métodos serão avaliados por meio de comparações com métodos tradicionais da literatura e em aplicações da agricultura, um importante campo para o desenvolvimento da região em que o projeto será executado.

Título • Desenvolvimento de Aplicativos de Controle e Automação com Arduino e Android
Coordenador • Robson Soares Silva
Modalidade • Iniciação Científica
Descrição • A fim de solucionar problemas práticos através da aplicação de sistemas móveis e computacionais, o projeto consiste no desenvolvimento de aplicativos para Android que controle determinadas funções (acender e apagar uma lâmpada, abrir e fechar o portão eletrônico, etc) de um ambiente usando apenas um aparelho móvel compatível podendo ser smatphones ou tablets. O uso da tecnologia móvel para controlar dispositivos de hardware arduino e robôs é o ponto principal da proposta do trabalho. O projeto utilizará o Arduino Uno e Robôs do Programa NERDS da fronteira. O Arduino é uma placa micro controladora de plataforma open-sourcing de computação física. O desenvolvimento deste trará benefícios ao usuário, evitando deslocamento de um lugar para outro, dando-lhe mais comodidade e conforto, tanto em seu ambiente de trabalho quanto em sua casa. Os idosos e pessoas com limitação física poderão ser muito beneficiados pois poderão controlar os componentes de sua casa através de um dispositivo móvel, como por exemplo ligar a luz de fora da casa quando anoitecer, ou mesmo apagá-la. O projeto pode ser aplicado no controle de segurança de casas e empresas, podendo controlar dispositivos a distância. Os aplicativos desenvolvidos serão de código livre.

Título • ADAPBOT – Desenvolvimento de Sistemas Adaptativos para o Controle de Processos Robóticos
Edital • FOMENTO EXTERNO
Coordenador • Amaury Antonio de Castro Junior
Descrição • A área de Tecnologia Adaptativa é um campo de pesquisa emergente com foco sobre os problemas relacionados com a organização de sistemas complexos em ciência da computação, engenharia de computação e tecnologia da informação. Este conceito se relaciona com o desenvolvimento de formalismos, técnicas, modelos e ferramentas para o desenvolvimento de sistemas computacionais que sejam capazes de, durante a sua operação, modificar seu próprio comportamento, de forma autônoma, em resposta ao seu histórico de operação e à situação corrente do seu ambiente. A Tecnologia Adaptativa pode ser aplicada no desenvolvimento de sistemas para controle de processos robóticos, tais como visão, identificação de padrões, mapeamento e navegação, entre tantos outros possíveis. Tais sistemas e aplicações possuem características que impõem dificuldades que afetam o seu projeto, a sua implementação e o seu modo de operação. O desenvolvimento de pesquisas integrando essas duas áreas justifica-se pela crescente necessidade imposta pela complexidade, heterogeneidade e dinamismo dos sistemas de controle de processos robóticos, possibilitando a aplicação das tecnologias adaptativas na simulação e no desenvolvimento dessas ferramentas e aplicações que, por sua vez, estimularão o desenvolvimento de aplicações nas quais se possa explorar a capacidade de modificação de comportamento conforme a necessidade imposta pelos dados captados pelos sensores robóticos.